Sign in

passou uma gangue de patins
colorida, atlética, mas ainda assim uma gangue
uma criança com uma garrafa de 2 litros de guaraná
4 passos na frente, duas mulheres que já beberam o guaraná e agora não querem mais
guaraná
uma menina com a ideia lá longe.
se for atropelada por um Chevrolet Onix Plus eu que não vou ficar com a ideia
não tem espaço em casa, dois cachorros e um gato itinerante já
esse uniforme novo não dura dois dias sem lavar
é um tecido grosso, fede fácil
contei quantas lâmpadas compridonas de led tem no teto
116
não chama lojas 100 à toa.
até de dia deixam ligada
a pele fica ruim nessa luz
a loja, estupenda, destaca das outras
mas a pele

esse é um conto de ficção especulativa (adoro essa palavra, me sinto importante quando estou ESPECULANDO sobre as coisas) que eu escrevi para um concurso. não rolou o concurso, então tô jogando o renegado aí procêis

É só uma consulta é só uma consulta. Agora é cinco e meia da manhã. Às sete, estourando às sete e meia, já vai ter passado, serei uma mulher andando na rua depois de ter resolvido um problema. Vão começar perguntando meu nome, claro. Depois a idade, se fumo, bebo, faço uso de medicação controlada. Vão medir minha pressão — e nesse momento eu…

uma crônica

badminton é considerado o esporte com raquete mais rápido do mundo¹. na prática, isso quer dizer que você perde o ponto muito rápido. piscou, perdeu o ponto. piscou de novo, perdeu o jogo e o outro jogador já está com o bração esticado em cima da rede, esperando o aperto de mão.

e não é só isso. você leva petecada na cara também. na testa, no olho, no nariz e, no ápice da humilhação, na barriga. nessas ocasiões, seu oponente costuma ser excepcionalmente cortês, o que aumenta em muito a humilhação. paralisa o jogo, pede mil perdões. …

já que eu vacinei hoje, o livro novo tá de graça lá na amazon. relação de causa e consequência perfeita.

https://www.amazon.com.br/dp/B096W94J4K

mas vende bebida tanta bebida que dia desses bateu na porta um representante da coquetel fruit. coquê o quê?

-coquetel fruit, é uma mistura para drinks.

-ah, aqui é só pinga e cu de burro. sem querer te destratar nem nada mas o senhor deve ser muito ocupado. já vou falando logo pra não perder seu tempo. duas ruas pra cima, na esquina, você vai ver um bar graaaaande com a fachada preta, fugiu o nome… ô luís, lembra o nome do bar novo que abriu ali na avenida auxiliadora?

-o do fernandinho?

-não, um lá pra cima, uns cinco…

felizona de anunciar aqui pra vocês que eu e a Mya Pacioni lançamos ontem uma newsletter de um humor! vai ao ar toda quinta, salvo evento de força maior (preguiça, esquecimento, sonolência). assinem porque é de graça. não faz sentido não assinar algo que é de graça.

o link: https://www.getrevue.co/profile/refrescos

o saquinho da livraria é bob b. não, bob g. o saquinho da farmácia é george b. o que tinha dentro de um e de outro vocês podem imaginar. sim, um prato de porcelana e dois bombons. andei pelas ruas da avenida larga me sentindo a mandachuva, magnata da moral, escoltada pelos meus dois camaradas bob e george. não andava nem rápido, típico de gente que sabe para onde vai, nem devagar, como os desalentados, divorciados, diplomáticos. andava num meio termo, um andar de vernissage. opa. um quiosquinho de sorvete de massa. dois. um pra mim outro vou dar para…

tive um insight publicitário essa manhã, enquanto tomava meu cafezinho e pensava “puxa, como vou convencer as pessoas a comprarem meu livro com esse frio?”. não é que as pessoas não comprem livros no frio, mas o enrijecimento nas extremidades deixa qualquer um suscetível a compras mais conservadoras. um livro da companhia das letras; um pijama quentinho que quando chega não é bem do tecido que você imaginava; remédios para dores suspeitas que vêm junto com o frio quando você atinge certa idade.

o insight que eu tive foi: é impossível concorrer com esses produtos. faça qualquer coisa, para ficar…

saudações compatriotas do medium!

convoco a todos para minha festa. o tema é “consumo de literatura de qualidade duvidosa”.

o endereço: https://www.amazon.com.br/dp/B096W94J4K

chegando no local, é só dobrar a direita com o mouse e clicar em “pré-venda com 1 clique”

alternativamente, você pode descer mais uma rua e clicar em “5,99 pra comprar”

a festa, na verdade uma rave à moda antiga, acaba no dia 15 de junho. depois dessa data, começa outra festa, com o tema “a valsa dos lentinhos”. essa é um pouco mais decadente e os ingressos são caríssimos. você não quer estar nessa segunda festa, então se esforce para comparecer na primeira.

já atravessou o dedo na chama de uma vela? fogo não é nuvem. tem massa. e você está lá dentro por um segundo, ocupando o mesmo espaço. a penetrabilidade. em defesa de newton, posso considerar o fogo uma massa de fantasma ou uma massa fantasma.

é probabilístico: mais de dois filhos, e vai ter sempre um mais disfuncional, triste, que não sai da casa dos pais. aquele que atravessa o dedo devagar demais na chama da vela, queima o dedo, e o resto da família faz aquele silêncio específico. …

Ceci

Ceci n’est pas une histoire(paulagomesrtv@gmail.com) livro na amazon: https://www.amazon.com.br/dp/B08FRN4526

Get the Medium app

A button that says 'Download on the App Store', and if clicked it will lead you to the iOS App store
A button that says 'Get it on, Google Play', and if clicked it will lead you to the Google Play store